SEJA BEM VINDO EM NOME DE JESUS.

terça-feira, 12 de maio de 2015

BLOG NÃO SERÁ MAIS ATUALIZADO

ATENÇÃO

O NOSSO SITE ESTÁ PRONTO CLICK NO LINK ABAIXO

OBS.: Os artigos deste blog estão sendo transferidos para o site.
Após a conclusão será desativado definitivamente este canal.

domingo, 10 de maio de 2015

Qual é a diferença entre “orar” e “rezar”?

Você vai ser redirecionado para o novo site
“Difundindo a Palavra de Deus” 
na  URL   robertodedeus.com/

Este artigo está no link:
 ou procure no novo site, pelo mesmo titulo.

Qual é a diferença entre “orar” e “rezar”? A oração do “Pai Nosso” é uma reza? O que há de exemplo na Bíblia?
 RESPOSTA
Se estudarmos a origem latina (rezar em latim é “recito”) da palavra “rezar” vamos descobrir que ela traz um significado de “recitar”, “ler em voz alta”, “apresentar lendo”, “citar”, “pronunciar uma fórmula”, “repetir”, “dizer de cor”. Este estudo da raiz e da significação do termo “rezar” nos mostra que tal palavra se aplica melhor às preces prontas, de autoria de terceiros, que aprendemos e repetimos.
Já o verbo “orar” tem suas raízes no termo latino “oro”, que significa “dizer”, “falar”, de onde também se deriva o termo “oral”, ou seja, “dito”, “falado”. Este entendimento se encaixa melhor com as preces na forma de uma fala, uma conversa. Orar é abrir o coração a Deus, como a um amigo.
A partir de textos Bíblicos temos hoje algumas “rezas’ que são praticadas por cristãos que fazem destes textos suas preces, como por exemplo, os salmos 91, 23, etc. Entretanto não há nenhuma ordem bíblica para que se tomem tais ou outros textos, decore-os e transforme-os em frequente oração.
Existe também o que chamamos de “Oração do Pai Nosso”, que é o texto de Mateus 6:9sp-13. Entretanto, não se pode dizer que era intenção de Jesus determinar que seus discípulos praticassem uma reza, como podemos ver no verso sete, através de Sua admoestação “não useis de vãs repetições”. Este termo (“vãs repetições”) não se refere à repetição de um pedido, mas a um murmúrio vazio e preces longas que confundem verbosidade insignificante com piedade.
Na Bíblia há muitos exemplos de orações. Tais preces sempre se mostram ser uma fala do ser humano para com Deus. Uma conversa espontânea, diferente de um recital decorado. Alguns exemplos podem ser vistos nas orações de Davi (1Cr 29.11-13), Jonas (Jonas 2:1-10), Neemias (Neemias 2:4, etc), Ezequias (Isaías 38:1-5), o ladrão na cruz (Lucas 23:42), o fariseu e o publicano da parábola (Lucas 18:9-14), o Senhor Jesus Cristo (João 11:41-42; Lucas 23: 34; João 17), etc.
A oração é a chave na mão do crente para acessar o trono de Deus. É o meio de comunicação entre você e seu pai de amor. Você pode ser uma grande pessoa de oração. Reserve um tempo especial, num lugar separado, e converse com Deus, sobre suas mais diferentes alegrias e anseios. Ele te ouvirá. Você e Deus ficarão íntimos e você descobrirá em Jesus o seu melhor amigo! (1)

Além de ter mostrado acima a diferença entre “orar” e “rezar”, na Bíblia Católica há divergência no uso dessas palavras, dependendo da versão da Bíblia. Nas versões da “ave Maria” com a “CNBB”, que é a mais correta, encontramos claramente o uso das duas palavras. Pergunto: sendo a mesma denominação, o correto não seria expressar a mesma linguagem? Então por que essa distorção? Outra pergunta: a Bíblia Católica é confiável? Se você disser que sim, qual das versões é a correta? Com essa distorção você conseguiria saber?
Veja um exemplo em duas passagens dentre tantas outras existentes:
Mateus 6:9
Eis como deveis rezar: PAI NOSSO, que estais no céu, santificado seja o vosso nome; (Bíblia ave Maria) http://www.bibliacatolica.com.br/biblia-ave-maria/sao-mateus/6/
Vós, portanto, orai assim: Pai nosso que estás nos céus, santificado seja o teu nome; (Bíblia CNBB) http://www.pr.gonet.biz/biblia.php
 Atos 3:1
Pedro e João subiam ao templo para a oração das três da tarde. (Bíblia CNBB)http://www.pr.gonet.biz/biblia.php
Pedro e João iam subindo ao templo para rezar à hora nona. (Bíblia ave Maria)http://www.bibliacatolica.com.br/biblia-ave-maria/atos-dos-apostolos/3/
Buscando o Catecismo da Igreja Católica que significa “conjunto de instruções sobre os princípios, dogmas e preceitos de doutrina”.
No site do Vaticano, ao procurar pelo léxico “catecismo”, não encontramos referência para “reza”, somente para “oração”.
Veja no link abaixo:
Podemos ver que a Igreja Católica não cumpri o que diz  em seu manual de normas, pois prega aos seus fieis que “rezem”, e não “orem” conforme é o correto em obediência as suas próprias normas.
Para ver o artigo completo acesse no site “Difundindo a Palavra de Deus” no link