SEJA BEM VINDO EM NOME DE JESUS.

segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Os 10 pastores que não respeito e não admiro.


Maus líderes existem aos montes dentro das igrejas. O joio está espalhado dentro da igreja como ensinam as Escrituras (Mt 13.26). Isso não é novidade para ninguém. Apesar de designar aqui o termo “pastores” a essas pessoas que citarei abaixo, não tenho a intenção de diminuir aqueles que fazem jus a esse termo tão lindo mostrado nas Escrituras, e que realmente pastoreiam de coração as ovelhas do Senhor. Usei esse termo somente para facilitar a identificação dessas pessoas.

Os dez pastores que não respeito e não admiro são:

01 - O que faz do púlpito um palco de shows

A exposição da Palavra é esquecida e substituída pelo talento hollywoodiano desse pastor, que explora as mais diversas técnicas para cativar os seus expectadores, fazendo do show o protagonista do culto. Ele é a estrela e não Cristo e Sua palavra. Seu púlpito é lugar de entretenimento, de show, e não de pregação, de transmissão da voz de Deus.

02 - O que explora financeiramente as ovelhas

Esse pastor é muito ambicioso e tem planos de crescimento. Porém, para a realização dos seus planos, precisa de muito dinheiro. E esse dinheiro é retirado das ovelhas, através das mais diversas técnicas de extorsão (legais). Ele não liga para o que a Bíblia ensina e inventa formas de arrecadação para realizar seus sonhos megalomaníacos. As ovelhas são iludidas, exploradas e sugadas até a última gota que podem dar.

03 - O que insiste em querer fazer a agenda de Deus

Um pastor que quer determinar lugar, dia e hora para Deus agir não merece meu respeito. Segunda: Deus age na família; terça: nas finanças; quarta: Deus dá o Espírito Santo; quinta: Deus faz conversões e sexta: Deus liberta as pessoas de demônios. Deus agora está preso em uma agenda criada pelo homem?

04 - O que ilude as pessoas com amuletos, objetos ungidos e unções que não vem de Deus

Esse pastor escraviza pessoas em crendices e superstições que não são encontradas e ordenadas na Bíblia. Desvia a fé que deveria ser unicamente no Deus soberano para objetos e unções (falsas) e extravagantes. Trabalha com a ilusão, com a ambição, com a falta de conhecimento de muitas das ovelhas que lhe ouvem.

05 - O que “profetiza” o que Deus não mandou profetizar

Usa sua influência sobre as pessoas para “profetizar” e “revelar”. Porém, não usa a Bíblia, que é a revelação e é onde se encontram as profecias de Deus para a vida de seus servos.

06 - O que faz com que seus fiéis o adorem

Ele é visto como um semideus pelos seus fiéis. O pior de tudo é que não faz nada para mudar essa situação, pois adora ser paparicado, adora status, adora demonstrar seu grande “poder” e ser ovacionado pela multidão. Seu prazer é ver multidões afluindo em sua direção com desejo de glorificá-lo.

07 - O que usa o dinheiro dos dízimos e ofertas para seu próprio enriquecimento

Esse pastor-empresário é formado e pós-graduado em enriquecimento usando a igreja. Tem fortuna e bens luxuosos, tudo adquirido com a ajuda das ofertas da igreja que, segundo diz ele, é usado para a obra de Deus. Ele engana multidões que bancam sua vida de ostentação.

08 - O que prega a teologia da prosperidade

Um pastor que diz que pobreza é maldição, que o crente verdadeiro será reconhecido pela sua prosperidade material, e outras abobrinhas sem embasamento bíblico, não merece admiração. Se a teologia da prosperidade é um câncer, esse pastor é um espalhador de doenças no meio do povo.

09 - O que usa versículos isolados da Bíblia para fundamentar doutrinas destruidoras

Esse pastor adora inventar doutrinas usando versos bíblicos isolados, cuja interpretação isolada, sem considerar contextos e outras boas regras de interpretação, favoreça seus pensamentos e desejos.

10 - O que [acha] que determina a ação de Deus

É uma piada dizer que um homem determina algo ao Todo-Poderoso, mas essa ousadia acontece. Palavras ousadas saem da boca desse pastor determinando, ordenando, exigindo que Deus faça determinadas coisas que, segundo ele, Deus tem de fazer. Coitado, não tem nem noção da besteira que faz! E o pior: ensina as pessoas a agirem também assim!

Esses são os pastores que não respeito e não admiro.

E você, tem algum pastor como os citados que não respeita e não admira?

Fonte: Esboçando ideias
Escrito por: André Sanchez

Leia a Bíblia inteira em 2014


Se você nunca leu a Bíblia inteira, chegou a hora! Leia a Bíblia completa em um ano, começando agora mesmo, dia 01 de janeiro de 2014.

Para auxiliá-lo, preparamos um Plano Anual de Leitura Bíblica para facilitar a sua organização. Vá lendo a Bíblia e marcando no plano o seu progresso diário.

Baixe o arquivo em PDF e imprima:
www.internautascristaos.com/arquivos/textos/plano-anual-de-leitura-biblica.pdf

Boa leitura!

Fonte: Internautas Cristãos

sábado, 21 de dezembro de 2013

NÃO DEIXE O ÍDOLO ENTRAR NA SUA CASA DISFARÇADO

Você vai ser redirecionado para o novo site
“Difundindo a Palavra de Deus” 
na  URL   robertodedeus.com/

Este artigo está no link:
 ou procure no novo site, pelo mesmo titulo.


"Não é de admirar que o próprio satanás se transforma em anjo de luz" 2 Coríntios 11:14

"Ora, o Espírito afirma expressamente que, nos últimos tempos, alguns se apostatarão da fé. Por obedecerem a espíritos enganadores e a ensino de demônios." (1 Timóteo 4:1)

São Nicolau cuja imagem foi tardiamente relacionada e transformada no ícone do Natal chamado de Papai Noel (português brasileiro) ou Pai Natal (português europeu) um velhinho corado de barba branca, trazendo nas costas um saco cheio de presentes.
É referido como Santa Claus para os europeus e nos EUA ou St. Nicholas na maior parte dos países da língua anglófona.
É tido como acolhedor com os pobres e principalmente com as crianças carentes.
Depois mudaram sua figura como um gnomo bochechudo de barba branca.
O gnono, de acordo com o dicionário Aurélio, é um demônio da floresta.
Antes ele era São Nicolau, era comemorado no dia 25 de Dezembro.
Ele usava roupas verde.
Seu visual de roupa vermelha foi um golpe publicitário da Coca-Cola, criado pelo cartunista Thomas Nast em 1886 (revista Haper's).
Daí o mundo inteiro adotou o bom velhinho que dá presentes para as criancinhas pobres substituindo Jesus no coração delas.

________________________________________
1. DECORAÇÃO DE NATAL EM VERDE E VERMELHO:
Por causa disso hoje a decoração do Natal é toda em Verde e Vermelho
________________________________________
2. Porque comemorar o Natal com a ceia da meia noite?
Porque é um ritual aos deuses pagãos:
1) Dia 24 ceia da meia noite adoração a mãe-lua.
Semíramis (Astarote) Juízes 2:13, 1 Reis 11:5

2) Dia 25 ceia do meio dia adoração ao deus-sol.
Tamuz (Baal). Ezequiel 8:14 e 16, 2 Reis 10:19
Na antiguidade caldaica, 25 de Dezembro era o dia da criança, o dia do nascimento de Tamuz, (deus sol, Ez. 8:15 e 16).

A noite anterior até a meia-noite era a “mãe lua”.
Em honra a Semíramis que hoje é véspera de Natal e no dia seguinte ao meio dia.
Como culto ao deus-sol e a deusa-lua.

Por isso existe a tradição da ceia de Natal à meia noite.
Em Israel, Semíramis é Astarote e Tamuz é Baal e no Egito ele é Hórus, deuses adorados por Jezabel.
Por meio de suas artimanhas e de sua astúcia, Semíramis converteu-se na “rainha dos Céus” dos babilônicos, e Ninrode fundador da torre de Babel e que era neto de Noé, converteu-se no “divino filho do céu”.
Por gerações neste culto idolatra, Ninrode era tão perverso que se casou com sua mãe, Semíramis. Depois de sua morte prematura, sua mãe-esposa, para evitar confusões, diz que ele não morreu, apenas voltou para seu lugar de origem.
Pouco tempo depois, Semíramis descobre que está grávida.
Mas isso não é possível, afinal seu filho-marido está morto.
Ela mente novamente para encobrir seu adultério, dizendo que o espírito de Ninrode, o “espírito de deus” a engravidou.
Semíramis chama seu filho de Tamuz, e para continuar o engano, ela diz que ele é o próprio Ninrode. Daí surge à primeira ideia reencarnacionista. (Tamuz é mencionado na Bíblia em Ezequiel 8.14-18.)
________________________________________
3. Porque se comemora dia 25 de dezembro?
Constantino e a influência do maniqueísmo (que identificava o Filho de Deus com o sol) levaram aqueles pagãos do século 4° a adaptarem a sua festa do dia 25 de dezembro (dia do nascimento do deus sol), dando-lhe o título de dia do natal do “filho de deus”.
________________________________________
4. JESUS NÃO NASCEU EM 25 DE DEZEMBRO:
Quando Ele nasceu?…
Havia naquela mesma comarca pastores que estavam no campo, e guardavam, durante as vigílias da noite, o seu rebanho. Isto jamais pôde acontecer na Judéia durante o mês de dezembro:
Os pastores tiravam seus rebanhos dos campos em meados de outubro e [ainda mais à noite] os abrigavam para protegê-los do inverno que se aproximava, tempo frio e de muitas chuvas o que tornava impossível a permanência deles no campo.
É também pouco provável que um recenseamento fosse convocado para a época de chuvas e frio (Lucas 2:1).
A primeira destas celebrações que tentaram “cristianizar era a festa mitraica (a religião persa rivalizava com o cristianismo naqueles dia) do natalis invict Solis (nascimento do vitorioso sol)

A ideia de arranjar um dia para comemorar o nascimento de Cristo não existia na época dos apóstolos, que não tiveram, também, a preocupação de guardar a cruz em que o Senhor foi crucificado. E por estas atitudes, temos de agradecer a Deus.

Imagine se houvessem guardado a cruz de Cristo, que culto idólatra se faria hoje, no mundo, á “santa cruz”?
________________________________________
5. ARVORE DE NATAL é um símbolo Pagão:
Seus ramos simbolizavam a volta da primavera e do verão, trazendo o sol.
Quando Tamuz morreu enquanto sua mãe ainda vivia.
Diz à lenda que seu corpo foi esquartejado e os pedaços enviados para diferentes partes.
Então, sua mãe ordenou uma busca pelos pedaços para recompor o corpo do filho.
Esta busca demorou quarenta dias, ao final dos quais ela se coloca sobre o corpo do morto e o faz ressuscitar.
Então, mais tarde foi instituído o uso do pinheiro na comemoração do nascimento de Tamuz, o qual era um símbolo de ressurreição.
Diz-se que os adoradores do deus sol ofereciam sacrifícios humanos – os corpos de pessoas que não estavam em harmonia com sua religião. Essas eram degoladas, e suas cabeças eram penduradas no pinheiro da festa em honra a Tamuz.

Pouco a pouco o paganismo vai se fundindo ao cristianismo.
Hoje crentes que comemoram festas juninas e agora é a vez do Natal.
Alguns crentes já adotaram a "ceia da árvore" em suas igrejas.
Já Têm a árvore como símbolo do Natal nas igrejas e em suas casas.
Igrejas de grande porte e pastores até respeitáveis e muito conhecidos na mídia no meio evangélico.
Eles têm a mídia nas mãos e podem influenciar a maioria dos evangélicos a adotarem Natal e seus símbolos pagãos.

A origem da árvore de natal.

A árvore de natal é de origem germânica. No tempo de São Bonifácio, foi adotada para substituir os sacrifícios uma arvore ao Carvalho sagrado de Odin, adorando-se uma árvore em homenagem ao Deus-menino.

No carvalho sagrado de Odin, eram colocados presentes, para que as crianças pegassem, fato parecido com o que acontece hoje nas festas de Cosme a Damião, em que as pessoas oferecem doces e presentes a criançada.

Odin era um deus da mitologia germânica, chamado também de wotan. Era considerado o demônio da tempestade, depois o demônio do mundo. Tinha dois irmãos, Vili e Vé. Segundo a lenda, Odin e seus irmãos mataram o gigante Ymir e de sua carne fizeram a terra, e de seu sangue fizeram o mar, dos ossos criaram as montanhas, dos cabelos fizeram as árvores e do seu crânio a abóbada celeste. Fizeram ainda, de dois troncos de árvore, o primeiro par humano, Ak e Embla. Esta é uma explicação grosseira que o inferno usa para substituir os atos da criação que o nosso Deus realizou, tal como escritos em Gênesis 1.

A principal função “divina” de Odin era a de deus da guerra; trazia na mão a lança Gungnir, cujo golpe nenhuma força poderia conter, e montava o cavalo Sleipnir, que tinha oito patas, e no qual cavalgou até Yggdrasill – a árvore onde se sacrificou para si mesmo, pendurado e perfurado por uma lança nesta “Arvore do Mundo” (ou “Grande Árvore).
_________________________________________
6. O PRESÉPIO:
Nesse falso sistema babilônico, “a mãe e a criança” ou a “virgem e o menino” (isto é, Semíramis e Ninrode revivido) transformaram-se em objetos principais de adoração. Esta veneração da “virgem e o menino” espalhou-se pelo mundo afora em nossos dias, mudando de nome em cada país e língua.
Em parte nenhuma das Escrituras é mencionado qualquer culto a Maria, nem qualquer mandamento que o exija.
Jesus é chamado na Bíblia de O Filho do Homem, o titulo de “Filho de Deus”, seu Nome Divino (Mt: 20).
Deus é Patriarcal e não Matriarcal.
Jesus sendo Deus se fez Homem no útero de uma mulher, pois isso seria a prova de sua humildade e humanidade, pois só assim seria ligado na Terra em sua missão salvadora.
Entretanto isso não faz de Maria mãe de Deus.
_________________________________________
7. A GUIRLANDA:
Em formato de um sol (coroa verde adornada com fitas e bolas coloridas).
Simboliza o “deus sol”.
_________________________________________
Esta se tornou a Trindade Profana:
Ninrode, pai; Semíramis, mãe e Tamuz, o filho. Após a destruição se Babel, o povo de Ninrode começou a migrar pelo mundo, conquistando outros povos e ensinando-lhes suas crenças pagãs.
Da Babilônia, eles vão para a Pérsia.
Agora Ninrode, Semíramis e Tamuz, é uma trindade, que era representada da mesma forma que a Egípcia.

Essa visão é concebida desde os primórdios na cultura Grego-romana, de Isis mãe de Ninrode fundador da Torre de Babel ilustração com as serpentes em espiral que coloca a mulher como senhora “mãe de deus”.
Se assim fosse, ela seria criadora de tudo o que há no céu e na terra. Isso é inconcebível de pensar.

Biblicamente falando, a verdadeira Trindade é o Pai (Deus), Filho (Jesus) e o Espírito Santo. Fica mais fácil ver o engano católico e perceber o disfarce demoníaco. Hoje, a trindade profana está disfarçada assim:

A Igreja católica romana é uma visão é concebida desde os primórdios na cultura Grego-romana, de Semíramis mãe de Ninrod na ilustração com as serpentes em espiral. Na visão católica romana diz que Deus tem uma mãe e que nasceu antes dele e o criou: ”santa Maria mãe de deus”.
A visão que coloca a mulher como senhora “mãe de deus”.
As biografias dos deuses mitológicos e deusas são semelhantes e estão todos interligados a uma só deusa e um só deus satânicos.
Quando os templos de Isís (Semíramis) foram transformados em igrejas cristãs, Isís com seu bebê Hórus no colo foi transformada na Virgem Maria com o menino Jesus. As mitologias gregas, romanas e africanas apresentam deuses e deusas e que no Brasil fundiram-se por causa da mistura de raças formando um sincretismo religioso.
________________________________________
Na visão teológica matriarcal, o filho era sempre a figura infantil e impotente nos braços da imagem da mãe toda poderosa protegendo o seu filho do mal.
Quando Tamuz morreu, Semíramis proclamou que seu filho subiu ao céu e se tornou deus. Então Semíramis figura como rainha dos céus (Isaias 47:4-15) com seu filho Tamuz nos braços. É vista como mãe de deus e deusa mãe.
Porém, para os católicos Jesus só aparece nas duas fases da sua vida:
1 – Quando era bebê (para exaltar Maria como deusa mãe);
2 – Quando estava morto na cruz para demonstrar o sofrimento de Maria (“senhora das Dores”) ...e não o sofrimento de Jesus.
____________________________________________
O CRISTO PRÉ ENCARNADO
(Isso nada tem haver com a teoria da reencarnação).
Mas, antes dEle vir em carne no ventre de Maria:
"Ele é a imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação; pois nele foram criadas todas as coisas, nos céus e sobre a terra, as visíveis e as invisíveis, sejam tronos, e soberanias, quer principados, quer potestades.
Tudo foi criado por meio dele e para ele". Colossenses 1:15-16
_____________________________________
Onde estava Maria quando JESUS participou da criação do Universo e do homem? Maria não é mãe de Jesus como Deus, mas somente como homem, porque senão ela teria que ter nascido antes de Jesus antes da criação do mundo.
Jesus como Deus criou o mundo e o universo... Onde estava Maria quando JESUS participou da criação do Universo e do homem?

Jesus é 100% HOMEM
Jesus é 100% DEUS
Como HOMEM, Ele teve uma mãe terrestre, mas não teve um pai terrestre.
Como DEUS, Ele teve um Pai Celeste, mas não teve uma mãe celestial.
Deus é ESPÍRITO e ESPÍRITO não tem mãe.

A mulher só foi criada para dar a luz seres terrestres.
Os Espíritos não tem sexo! já que a função reprodutiva se dá apenas no corpo físico... no mundo espiritual o único que cria novos seres é Deus porque Deus é Espírito e cria seres espirituais.
Lá no céu não haverá mulheres porque nós só fomos criadas para dar a luz seres terrestres. Somos um espírito e depois de morrer não teremos mais um sexo feminino seremos espirituais.

JESUS COMO DEUS SÓ TEM UM PAI CELESTE.
JESUS TEM UM PAI CELESTE E NÃO TEM MAIS MÃE TERRESTRE.
A mulher só foi criada para dar a luz seres terrestres pois Deus é ESPÍRITO e ESPÍRITO não tem mãe.


Por Pastora Wilma Ribeiro


sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

IMAGEM DE SANTO É UM DEUS CONFORME A BÍBLIA.


Vamos entender o que a Bíblia diz sobre imagens e se esse ritual de adoração da igreja Católica agrada a Deus. Na Bíblia há muitas passagens que relatam a proibição do uso de imagens, porém, não são aceitas por católicos, porque não leem toda a Palavra de Deus e acreditam somente no que sua igreja afirma. Peço que reflitam nos versículos abaixo de Isaías 46 em que não deixam dúvidas de que “imagem” é um deus e são adorados no lugar de Deus.
  
PASSAGENS BÍBLICAS:
ISAÍAS 46 (Bíblia ave Maria)
5. a quem podereis comparar-me ou igualar-me? Quem poreis em paralelo comigo, que me seja igual?
6. Eis os que desembolsam seu ouro, e pesam a prata na balança; contratam um ourives para que ele faça um deus, diante do qual se prostram em adoração;
7. eles o carregam nos ombros e o transportam, depois o colocam em seu posto, onde se mantém, sem mais poder mover-se. Por mais que o invoquem, nunca responde, e não salva do infortúnio;
8. lembrai-vos disso, sede razoáveis, e entrai em vós mesmos, pecadores.
9. Recordai-vos do que se passou outrora. Só eu sou Deus, e não há nenhum outro, eu sou Deus e ninguém me é semelhante.

ISAÍAS 46 (Bíblia CNBB)
5. Que semelhança vocês vão arranjar para mim? Com o que vão me comparar? Com alguma coisa que eu me pareça?
6. Alguns tiram o ouro da bolsa, pesam na balança certa quantidade de prata, contratam um ourives e mandam fazer um deus. Depois se ajoelham e o adoram.
7. Põem o deus nos ombros e o carregam, depois o colocam num suporte e o firmam bem para que ele não venha a sair do seu lugar. Por mais que alguém o invoque, ele nada responde e não livra ninguém de suas dificuldades.
8. Lembrem-se bem disso e fiquem firmes. Levem a sério, vocês que são rebeldes.
9. Lembrem-se das coisas há muito tempo passadas, pois eu sou Deus, e não existe outro. Eu sou Deus, e não existe outro igual a mim.

DETALHANDO CADA VERSÍCULO PARA VOCÊ ENTENDER MELHOR, CASO AINDA TENHA DÚVIDA:

No versículo 5 está escrito: “...querem comparar Deus aos deus que o papa criou fazendo parecer e ter o mesmo poder de Deus.”

No versículo 6, por sua vez: “Alguns tiram o ouro da bolsa, pesam na balança certa quantidade de prata, contratam um ourives e mandam fazer um deus. Depois se ajoelham e o adoram.”
A igreja Católica ensina aos fieis a se prostrarem e adorarem esses deuses, como fazem com as imagens, estou certo? Aqui deixa claro que estas imagens criadas por ourives é um deus. Agora, vendo esses versículos da Bíblia que você não conhecia, você concorda que o deus da igreja Católica não é o Verdadeiro? Os católicos negam quando falamos que eles “adoram imagens”. Veja que na própria Palavra fala que são adoradas e não veneradas como está nas duas versões da Bíblia Católica (ave Maria ou CNBB). O papa o enganava até agora dizendo que veneram e não adoram, distorcendo assim a Palavra de Deus para bem da igreja Católica a fim de vender mais imagens e enriquecê-la cada vez mais. Caso vocês continuem a dizer que veneram e não adoram, novamente estão errados, fugindo e distorcendo o que a Palavra de Deus afirma.

No versículo 7 está escrito que “...carregam no ombro, colocam em local de destaque, são invocados e nunca respondem e não salvam das dificuldades.” Tudo isso é feito na igreja Católica com adoração às imagens e santos criados pelo Catolicismo e incentivada pelo papa, certo? 

No versículo 8 lemos que quem faz isso é pecador e rebelde. É isso que você quer ser perante Deus?

No versículo 9 entendemos que esses deuses criados pela igreja Católica são para substituir o Deus verdadeiro. A Bíblia nos diz que só existe um Deus e não é nenhum desses do Catolicismo.

Concluindo, à luz da Bíblia, imagens e santos são falsos deuses que o verdadeiro Deus condena por quererem substituí-lo, se passar por Ele e receberem adoração em Seu lugar.

Acorda católico e jogue fora os seus deuses e vá para Deus. Somente através de Jesus, como diz a Palavra de Deus, poderemos se achegar a Deus e obter a salvação eterna, e não precisamos buscar a mais ninguém, como é ensinado na igreja Católica.

Por Roberto Wagner
Inspirado pelo Espírito Santo