SEJA BEM VINDO EM NOME DE JESUS.

sexta-feira, 26 de julho de 2013

CRISTO, A PEDRA SOBRE A QUAL A IGREJA ESTÁ EDIFICADA


O texto de Mateus 16 : 18 diz:
"Também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela."

Este texto é interpretado de três maneiras:

1ª - Pedro é a pedra;
2ª - A declaração de Pedro: "Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo", em Mateus 16 : 16 é a pedra;
3ª - Cristo é a pedra.

Qual dessas interpretações é a verdadeira?

Precisamos examinar o contexto.
Todo o texto próximo está falando de Cristo.
O nome PEDRO no grego é "Pétros", fragmento de pedra.
A palavra PEDRA é "pétra", rocha.
Jesus está afirmando que sobre Ele, a rocha, e não sobre Pedro, um fragmento de pedra, é que a igreja está edificada.

O próprio Pedro entendeu isso, no começo do seu ministério, quando disse:

"Este Jesus é pedra rejeitada por vós, os construtores, a qual se tornou a pedra angular." ( Atos 4 : 11 )
No final do seu ministério Pedro reafirmou a mesma verdade:
"Chegando-vos para ele [Cristo], a pedra que vive,
rejeitada, sim, pelos homens, mas para com Deus eleita e preciosa." ( 1Pedro 2 : 4 )

Também o apóstolo Paulo entendeu dessa forma, quando escreveu:

"Porque ninguém pode lançar outro fundamento,além do que foi posto, o qual é Jesus Cristo."
( 1Coríntios 3 : 11 )
E diz ainda: "... e a pedra era Cristo." ( 1Coríntios 10 : 4 )

Um dos princípios da hermenêutica sagrada, a ciência da interpretação, é que a Bíblia interpreta a própria Bíblia!

Nenhum comentário:

Postar um comentário