SEJA BEM VINDO EM NOME DE JESUS.

segunda-feira, 16 de maio de 2011

TRÊS SÃO OS GRANDES INIMIGOS DOS CRISTÃOS.

A MURMURAÇÃO
Êxodo 18:7,8
Queixo-me em segredo, sussurros de descontentamento, são o resultado de um espírito amargo, é a atitude normal de um cristão carnal.

Com este sentimento a pessoa demonstra uma atitude azeda para com a vontade de Deus, reflectindo-se em más atitudes para com os lideres espirituais, por exemplo. e , não poucas vezes, com outros irmãos.

A murmuração é uma das muitas armas que o nosso Adversário usa contra a Igreja de Jesus, porque ela desestabiliza, cria divisão, dá origem a contendas e abre brechas nos relacionamentos.

Lendo Filipenses 2:14 verificamos que a igreja na cidade de Filipos estava a passar por uma fase em que os crentes carnais e mostravam descontentes sem razão. Este descontentamento estava a envenenar os relacionamentos e a proporcionar ataques contra os lideres espirituais. O mesmo havia acontecido no passado, com  Paulo, I Coríntios 10:10

Outro apóstolo, o Pedro, estava consciente do mesmo perigo, receando que se propagasse entre a igreja, escreveu:"Deixando toda a malicia... e todas as murmurações", I Pedro 2:1

Lendo Romanos 1:29-32, Paulo afirma que a murmuração faz parte da triste lista de iniqüidades que Deus abomina: "Estando cheios de toda a iniqüidade...sendo murmuradores..."

Todos os que caem na tentação de murmurar entram no mesmo nível de pecado que leva á condenação eterna: "E destes também profetizou Enoque...", Judas 15,16

MALEDICÊNCIA
I Timóteo 5:14  /  Tito 2:7,8
Paulo é muito enfático neste assunto, uma vez que ele também foi vitima deste terrível mal, o mal vindo de línguas que deviam ter sido controladas pelo Espírito Santo, especialmente de gente dentro da igreja. Ele mais do que ninguém bem sabia o transtorno que coisas dessas trouxeram e trazem á Obra de Deus.

Em Provérbios 26:22,23 lemos: "As palavras do maldizente...” Salomão classifica a maledicência como algo delicioso a quem a prova, mas que se transforma em fezes. O coração dos maldizentes satisfaz-se com a impureza da maledicência que fica colada aos seus lábios.

A maledicência é irmã gêmea da murmuração. São irmãs siamesas, andam sempre juntas, Ambas destroem a saúde espiritual do cristão.

A MORNIDÃO ESPIRITUAL
Apoc.3:15,16
O Senhor conhece todas as nossas ações e palavras. ELE conhece o nosso coração e tudo o que pensamos, Heb.4:13. Ele examina o nosso nível espiritual, Apoc.3:17.

Jesus manifesta o Seu conhecimento a nosso respeito. O crente  carnal é dominado por um "espírito" que domina as áreas do orgulho, da soberba, inveja, contenda de palavras, maledicência e murmuração, e faz desse crente alguém morno, com todas as conseqüências subjacentes, próprias de quem ainda é carnal, I Cor.3:1-3

Um cristão morno é um cristão infeliz, porque fica insensível á voz do Espírito Santo, tornando-se desinteressado, indiferente, sem vontade de orar e de se alimentar espiritualmente. Em suma, é um cristão profundamente doente, necessitando de uma restauração total, Apoc.3:18.

Conclusão
Aparentemente insignificantes, estas 3 armas de satanás há cerca de 3 milênios que elas se têm mostrado muito eficazes para destruir a fé dos filhos de Deus. Já é tempo para ficarmos atentos ao prejuízo que eles trazem á Igreja, ao Corpo de Cristo.

Pr.João José Borges

Nenhum comentário:

Postar um comentário